Tudo tem um limite, e o nosso presidente já ultrapassou este limite a alguns anos atrás.

Esse limite tem que ser dado nem que seja a fórceps (um impeachment) eu aposto com qualquer um, que mudaria da água para o vinho: o impeachment — é o remédio que o Brasil necessita hoje.

Antes que venham me falar alguma coisa ao meu respeito — eu votei nesse crápula nefasto — falo isso sem orgulho nenhum, pois ajudei a colocar um insano GENOCIDA no cargo de presidente ao invés de ter posto um professor fantoche: esse com toda as certezas, jamais negaria a ciência e tamparia os olhos para o vírus.

Bolsonaro tripudia do vírus desde o inicio da pandemia, e quando se tripudia do vírus sambar em cima dos túmulos de seus patriotas que se sucumbiram por conta dela (a Covid-19).

Enquanto ele brinca de ser presidente, o Brasil perde seus filhos. Num momento onde batemos recordes de morte ele zomba mais uma vez da doença: isso é inaceitável e indefensável. E como BRASILEIROS nós temos o dever de salvar a nossa nação desse GENOCIDA.

E eu repito mais uma vez: BRASIL VAMOS ACORDAR, o remédio para nós livrar dessa doença (chamada Bolsonaro) não é Cloroquina —, mas sim impeachment.