Operação Famintos: Empresário preso na 2ª fase tem pedido negado e segue preso

O empresário Ângelo Felizardo do Nascimento, preso na segunda fase da Operação Famintos, teve o pedido de liminar negado pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5). Com essa decisão, ele deve permanecer preso em João Pessoa. O desembargador Rogério Fialho Moreira negou que o investigado pudesse responder ao processo em liberdade.

Fialho negou, na última sexta-feira, o pedido de liminar impetrado pela defesa do vereador Renan Maracajá – também preso na segunda fase da operação.

A segunda fase da Operação Famintos foi deflagrada no dia 22 de agosto. Três presos preventivos foram levados para a Penitenciária de Segurança Média Hitler Cantalice, no bairro de Mangabeira, na capital. Enquanto os cinco alvos dos mandados de prisão temporária foram soltos após a expiração do prazo. O MPF decidiu não pedir a prisão preventiva dos investigados.

Créditos: Paraíba Já

Você pode gostar...